A importância de ler os rótulos de cosméticos

Ouvimos sempre sobre a importância de lermos as embalagens dos alimentos que consumimos, mas e os cosméticos? Garanto que a maioria das pessoas não têm esse hábito, mas é importantíssimo sabermos o que colocamos em nosso corpo, como desodorantes, cremes, sabonetes, maquiagens, entre outros. O que é mais comum de encontrar no mercado são produtos com petrolato, mas antes vou explicar o que é, como afeta a pele, meio ambiente e o ser humano como um todo.

PETROLATO:

É um derivado do petróleo puro, após a desparafinação (retirada da parafina) de óleos pesados, altera-se em uma substância gelatinosa incolor ou amarelada.

– As formas de nome mais comuns para comercialização de petrolato são: parafina, vaselina, parafina líquida, óleo mineral, etc.

Usado ainda em larga escala no Brasil, o petrolato é encontrado geralmente em hidratantes tanto para os cabelos como para o corpo, entretanto, esse composto traz diversos malefícios, pois não hidratam e não penetram a pele, então como ajudariam na hidratação? Quando passamos esses cremes e sentimos a sensação de pele hidratada é como uma máscara, pois quando o produto é aplicado forma uma espécie de filme protetor que impede que a água seja perdida ao ambiente. É uma falsa hidratação, já que quando o produto for retirado, irá sair o efeito.

Além disso, essa função pode acarretar diversos problemas, obstruindo poros, causando cravos e espinhas e em algumas pessoas com mais sensibilidade pode dar alergias.

O motivo de serem encontrados em grande quantidade nos cosméticos, produtos para cabelo e até mesmo remédios é o seu baixo custo. Então, já podemos perceber que não é por ser um composto realmente bom, mas barato e por ajudar a ter um efeito parecido com a hidratação.

Inclusive, no Madesafe, selo americano de produtos não-tóxicos, o composto consta na lista de proibidos, pois em seu processo de refinamento podem haver contaminações por hidrocarbonetos aromáticos policíclicos (HPAs), que são produzidos a partir da queima incompleta de substâncias orgânicas como lenha, carvão e gasolina. Mas, estão na lista de proibidos, por quê?

Em pesquisas feitas pela International Agency for Research on Cancer, a Agência Internacional de Pesquisa em Câncer, acredita que os HPAs e seus derivados, nitratos, quando ingeridos, inalados ou aplicados ao longo da vida na pele podem causar câncer em humanos e animais.

É um composto bem perigoso e que devemos ter muita cautela em usar, e repensar seu uso, pois por exemplo os desodorantes que possuem cloridrato de alumínio na fórmula, ele tem função antitraspirante, ou seja, impedem a transpiração de sair, e é nela que eliminamos as toxinas do corpo, você já pensou para onde vão essas toxinas que deveríamos liberar? Elas voltam para o corpo em uma regão super sensível que é perto das glandulas mamárias e isso pode causar vários problemas de saude. Portanto, o cuidado extra sempre é importante.

A indústria criou outros ingredientes com nomes diferentes dos derivados de petróleo mas que fazem tão mal quanto, nossa dica é preferir os cosméticos 100% naturais e aprender esses ingredientes que fazem mal ao longo do uso e colocar em uma listinha para sempre que for as compras consultar essa listinha.

Abaixo você pode imprimir a nossa listinha pra colocar na carteira.

A Lafe’s é uma marca Americana criada pela própria experiencia do malefícios dos cosméticos convencionais, depois que a esposa de Lafe Larson, o fundador, teve câncer de mama, eles foram orientados pelos médicos sobre os perigos dos antitranspirantes e a taxa de alumínio no corpo, então criaram a Lafe’s para uso próprio e para trazer mais opções de produtos saudáveis para a pessoas.

Você pode encontrar todas as marcas que temos na Biouté e seus preferidos clicando nesse link aqui:
Desodorantes Biouté

Outro ponto que não podemos deixar de destacar são os efeitos que o petrolato causa ao ambiente em que vivemos. Por ser derivado do petróleo leva dezenas de anos para desaparecer no meio ambiente, cerca de 1 litro de óleo mineral pode chegar a contaminar 1 milhão de litros de água, e torna-a imprópria para uso e consumo, prejudicando, principalmente, os animais aquáticos. Essa substância por levar muitos anos para se decompor, pode matar vegetações e microrganismos.

Além de que, não são somente os desastres ambientais causados pelos vazamentos de petróleo nos oceanos que estão acelerando esse processo degradante, quando tomamos banho com shampoos, condicionadores, cremes e afins com petrolato e outros ingredientes sintéticos eles vão diretamente para as tubulações e depois para os mares. Então, temos uma grande responsabilidade em nossas mãos.