Como proteger a pele quando a temperatura começa a baixar?

Mais um verão está acabando, e em breve uma nova estação dará as caras. Muito celebrado ao redor do mundo por seu ar místico e aconchegante, o Outono traz consigo cores terrosas e alaranjadas, aromas amadeirados e aquela brisa gostosa de fim de tarde, ideal para bebericar um chá sem precisar, contudo, se agasalhar demais. 


Mas se a temperatura lá fora baixa, sabemos que a temperatura do chuveiro tende a subir: quem não gosta de ir dormir quentinho depois de um anoitecer frio, ou de se aquecer logo depois de sair das cobertas pela manhã? E apesar de ser algo delicioso, quem sofre com isso é a nossa pele. As baixas temperaturas podem prejudicar você de maneiras inesperadas!


Como o frio prejudica a pele?


Quando a temperatura começa a baixar, possuímos alguns hábitos muito comuns: vestir roupas mais compridas e pesadas, tomar banhos mais quentes, comer mais, e até mesmo alterar nossos padrões de sono! Tudo isso influencia na saúde da derme, que está intimamente ligada ao estado do nosso corpo em geral.


Mas como saber exatamente o que está acontecendo, e como prevenir ou remediar a situação? Confira algumas dicas para manter a pele saudável e perfeita quando a temperatura começa a baixar:


Tome cuidado com a temperatura do banho


A água quente pode até ser gostosa em um dia frio, mas é uma vilã para a pele e o cabelo. A temperatura excessiva afeta a camada hidrolipídica, que protege nossa pele do ressecamento. Sem ela, ocorre a descamação, aparecimento de manchas e até mesmo queimaduras! 


Para resolver esse problema, prefira sempre a água morna: teste-a com as costas da mão, e prefira uma sensação apenas ligeiramente mais quente que a pele dessa região. Se o problema for o frio, você pode experimentar esquentar o banheiro com um aquecedor ou infusão aromática antes de ir ao banho!


Não abandone o protetor solar só porque está frio


Mesmo sem a sensação de calor e com roupas que nos expõe menos, o sol continua prejudicando nossa pele como no verão! Os raios ultravioleta, quando reagem com a pele, podem deixá-la ressecada e com manchas - além de continuar bronzeando como sempre. 


Para evitar os danos do sol, utilize um protetor solar natural, que hidrata e protege do sol simultaneamente. Isso evita que você fique com a pele seca e sensível em regiões como o rosto, pescoço e mãos.


Reforce a rotina de hidratação


No Brasil, o inverno tende a ser uma estação seca - o que significa que nossa pele tem tendência a se ressecar muito mais, além de ficar especialmente sensível quando em contato constante com as roupas de frio. 


Portanto, enriqueça sua rotina de hidratação adicionando óleos vegetais e essenciais ao seu hidratante, e prefira sempre os sabonetes naturais para não prejudicar a camada de proteção natural da pele! 


Nossa dica: faça a hidratação logo após o banho, pois nesse momento a pele está mais propensa a absorver os nutrientes e benefícios do hidratante.


Utilize uma bucha de banho mais suave


Muitas pessoas adoram usar a bucha no banho, mas devagar no andor: a bucha é um esfoliador poderoso, e pode deixar a pele muito mais exposta e sensível, com dificuldade para reformar sua camada de proteção natural. Além de levar ao ressecamento, isso também pode trazer alta sensibilidade!


Portanto, prefira sempre uma bucha vegetal, que é mais delicada, e realize sempre movimentos muito suaves e que não agridam a pele.


Viu como é simples ficar preparada para as temperaturas mais baixas? Basta tomar cuidado com alguns hábitos simples e preferir sempre os produtos naturais - que não só protegem a sua pele, mas a elevam ao máximo potencial sem precisar de químicos!


Confira os outros artigos do blog da Biouté para ficar por dentro de dicas de alimentação, tendências para 2021 e outras dicas de saúde e bem-estar!